Einstein Rua Oscar Freire

Rua Oscar Freire: No coração do Jardins!

Considerada a oitava rua mais luxuosa do mundo, é impossível falar dos Jardins sem incluir a famosa e charmosa Rua Oscar Freire. Ponto de famosas grifes nacionais e internacionais, além da rica variedade de serviços especiais que oferece, a rua não é um mero centro comercial, mas sim um espaço de convivência prazeroso e cheio de estilo.

Próximo ao cruzamento com a Rua Augusta, a Rua Oscar Freire começa a entrar numa atmosfera semelhante a de famosos desfiles de moda, inclusive no estilo fashion dos que passeiam por suas calçadas. As lojas-conceito são comuns em sua longa extensão, com um atendimento de altíssima qualidade e diferenciado.

Rua Oscar Freire: Um Pedaço da História da Moda no Brasil

A Rua Oscar Freire recebeu esse nome em homenagem ao médico legista, que levou a medicina legal à universidade. Foi professor da Faculdade de Medicina da USP e um dos fundadores do Instituto Médico Legal.

A vocação para o luxo da rua começou a fluir com a vinda da MontBlanc, em 1995 e sendo a primeira loja de toda a América. Instalada entre a Oscar Freire com Haddock Lobo, a loja se tornou a mais rentável da marca no mundo e seu grande sucesso imediatamente atraiu outras grifes internacionais como a Versace, Cartier, Christian Dior, Louis Vuitton e Salvatore Ferragamo.

Considerada o  segundo aluguel mais caro do Brasil, seu valor é atribuído pela qualidade de suas vias urbanas e seu comércio de altíssimo padrão.

Eleita como a oitava rua mais luxuosa do mundo e a segunda de toda a América, atrás apenas da Quinta Avenida, em Nova Iorque, a Rua Oscar Freire tem como quarteirões principais entre a Rua Augusta, Rua Haddock Lobo, Rua Bela Cintra, Rua Melo Alves e Alameda Lorena, que ainda hoje abrigam grifes como Calvin Klein, Versace, Roberto Cavalli, Empório Armani, Nike, Lacoste, Tifany & Co e a pioneira MontBlanc.

Com a migração de algumas marcas internacionais para shoppings de luxo, a rua abriu espaço para marcas brasileiras que desejavam expandir seu perfil para a classe A paulistana. Grifes como Melissa, Natura, Chilli Beans, Havaianas e Riachuelo chegaram apresentando uma estrutura totalmente diferenciada e com outros serviços além do comércio de seus produtos, como exposição e galeria de artes. Ao total são 110 lojas vinculadas a Associação de Lojistas dos Jardins.

Compras na rua oscar freire

Uma Rua Para Compras e Passeios

Na Rua Oscar Freire é possível esbarrar com celebridades em busca de novidades. Até mesmo lojas mais populares como a Riachuelo se adaptaram a elegância do local, apresentando produtos mais conceituais e um interior arrojado.

Recentemente incluiu os parklets, espaços para descanso entre as compras com conforto. Há bebedouros, wi-fi e carregadores de celular, bancos e os banheiros públicos mais elegantes do país. A proposta inclui atrair profissionais para trabalharem ao ar livre, inclusive com área para reunião de negócios, criação de eventos, workshops e com estacionamento particular.

O clima da Rua Oscar Freire é muito aprazível cercado de árvores com ótimas sombras e com a charmosa pracinha, conhecida por ser um espaço de convivência para bater papo e relaxar em meio as compras. O grafiteiro Kobra, famoso internacionalmente, também possui obras em partes da rua.

Pracinha Rua Oscar Freire
Uma grande obra de padronização de mobiliário, inclusão da iluminação subterrânea, nivelamento das calçadas, entre outros, criou um shopping ao ar livre. O tráfego de veículos já foi proibido, mas hoje ele é permitido apenas para carros de pequeno porte. Não há transporte público circulando na rua e a melhor forma de chegar até ela é através do metrô Consolação ou Sumaré.

A rua também tem restaurantes de chefs renomados na gastronomia, bares badalados, cafeterias charmosas e sorveterias para serem frequentados entre ou após as compras. Dentre eles os restaurantes Fasano, Antiquarius, Chez Oscar, Italy, Piselli, P.J. Clarke e Burger Joint.

E para você, o que tem de melhor na Oscar Freire? Conte pra gente!

Assunto:
Print Friendly and PDF

Comente este artigo